Produtos direto da horta para a merenda escolar, deixa alimentação mais saudável em Queluz.

Toda verdura, legume, e fruta que é plantado, cultivado e colhido em terras queluzenses, são oferecidos na merenda escolar de Queluz, que é disponibilizada para quatro escolas municipais, uma estadual e uma creche municipal.

São investidos mensalmente mais de dez mil reais, em produtos de cultivo sustentável, oferecendo uma alimentação mais saudável para nossas crianças.

Segundo a lei do FNDE-2013, é obrigatório oferecer verduras, legumes ou frutas apenas três vezes por semana, mas em nosso município, é servido alimentos in natura de segunda-feira a sexta-feira, sendo um ponto muito positivo para nossa cidade.

Para a nutricionista Daniele Oliveira, oferecer alimentos desta qualidade todos os dias, é extremamente importante para a educação nutricional das crianças.

Diversos alimentos preenchem o cardápio da cozinha piloto, sendo eles: alface, mandioca, chicória, couve, tomate, acelga, bata salsa, abobrinha, vagem, repolho, pepino, melancia, cenoura, chuchu, beterraba, banana prata, banana nanica, abóbora madura, inhame, agrião, brócolis, cebolinha, espinafre e salsinha, todos esses produtos são selecionados durante a semana e com base em informações nutricionais o cardápio é montado pela nutricionista.

Para Erika, essa parceria é muito importante, pois abriu novas oportunidades para seu negócio, com essa fidelização a horta da produtora que era focada apenas em tomate, hoje conta com novas verduras e legumes.

O produtor Alexandre já trabalhava com plantio, agora com essa nova opção conta com extenso cultivo de melancia, tendo a prefeitura como principal cliente.

A Prefeitura realiza essas aquisições desde 2009, porém esse ano houve uma grande ampliação na compra, aumentando o número de produtores da agricultura familiar. Essa cadeia produtiva é muito importante, pois injeta dinheiro em nosso município, comenta a Secretária de Meio Ambiente e Agronegócio Elisangela Cendretti.

Confira abaixo algumas imagens das plantações:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×