Executivo municipal baixa gastos com folha de pagamento.

Cumprindo a lei de Responsabilidade Fiscal.

No ano de 2016 os gastos com folha de pagamento de funcionários do poder Executivo eram no patamar de 61,86% da receita liquida do Município, infringido assim o limite de 54% disposto na Lei de Responsabilidade Fiscal.

Tal descontrole de gastos de pessoal acarreta aos municípios graves prejuízos, pois ficam impossibilitados de receber transferências voluntárias, obter garantia de outro ente, contratar operações de crédito, dentre outras coisas.

O Executivo Municipal, comprovando o seu compromisso com a eficiência e economia do dinheiro público, conseguiu baixar o gasto com folha de pagamento para dentro da legalidade, estando hoje em 53,71%.

Este é mais um resultado do trabalho sério que vem sendo desenvolvido, com foco na excelência em gestão pública e valorização do erário municipal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×